Em entrevista a Sagres 730, ministro Baldy comenta envio de recursos para Goiás

O ministro das Cidades, Alexandre Baldy (PP), comentou em entrevista à Sagres 730 os recursos enviados para Goiás. Os R$ 115 milhões, por exemplo, viabilizados recentemente para o BRT, Córrego Cascável e Maternidade Cascavel serão liberados mesmo com a mudança de governo, ou seja, a posse do presidente eleito Jair Bolsonaro em 1º de janeiro.

“São recursos contratados e eles serão liberados de acordo com o cronograma físico da obra. O Ministério das Cidades pode liberar mais R$ 70 milhões para a Prefeitura investir na continuidade da Leste/Oeste, no trecho que ligará a Praça do Trabalhador à divisa entre os municípios de Goiânia e Senador Canedo”, declarou.

Segundo Baldy, as tratativas entre a Prefeitura de Goiânia e o Ministério das Cidades estão sendo intermediadas pelo deputado federal Daniel Vilela (MDB). Ele acredita que esse acordo ainda tem como ser assinado antes da virada do ano.